Arquivo

Textos com Etiquetas ‘Incandescente’

FLC lança aplicativo gratuito, que calcula e compara eficiência entre lâmpadas

O Ministério de Minas e Energia, o Ministério de Ciência e Tecnologia e o Ministério de Indústria e Comércio regulamentaram a portaria que proíbe a venda de lâmpada incandescente a partir de 2016. Para atender essas exigências, muitas indústrias já estão substituindo suas lâmpadas incandescentes por outros tipos de lâmpadas, como a LED.

Pensando em facilitar a escolha da nova lâmpada, a FLC lançou o aplicativo “Calculadora Econômica FLC LED”, que permite ver o quanto cada tipo de lâmpada consome de energia e qual modelo resultará em maior economia na conta de luz de uma indústria.

Desenvolvido no Brasil, o aplicativo sugere a substituição de lâmpadas não eficientes por modelos eficientes, que economizam até 90% de energia, duram até 30 vezes mais do que as tradicionais, não aquecem o ambiente e são sustentáveis.

Gratuito, o aplicativo está disponível na App Store, em: http://goo.gl/Av9ihi.


LED promete reduzir custos de energia

Para minimizar os impactos ao meio ambiente e aumentar a competitividade dos negócios, indústrias estão adotando cada vez mais o uso de lâmpadas Light Emitting Diode – LED. Segundo Kelly Salfatis do grupo DNI–Key West, empresa especializada na fabricação de produtos eletro-eletrônicos, a demanda por lâmpadas de LED cresce a cada ano. “Pesquisas indicam que, em 2015, 45% do mundo será iluminado por LED”, diz.

O preço elevado do produto ainda é um obstáculo para sua substituição. A lâmpada LED chega a ser trinta vezes mais cara que uma lâmpada incandescente comum e dez vezes mais que a lâmpada fluorescente. “É um investimento a longo prazo. Lâmpadas LED economizam muito mais energia e têm durabilidade muito maior”, diz Salfatis.

De acordo com o site style.greenvana.com, a lâmpada LED converte 40% de energia elétrica em luz, sendo 80% mais econômica que a incandescente (converte 5%) e a fluorescente (converte 25%). A vida útil é outro benefício do LED, que dura, em média, 50.000 horas. Já a lâmpada comum resiste a somente 1.200 horas e a lâmpada fluorescente, embora mais durável, não ultrapassa as 10.000 horas.

 

Comparativo entre as lâmpadas (em dólares):

Fonte: Greenstyle